Categorias
Segurança Alimentar

Os perigos do bisfenol

Você sabia? O bisfenol A é um composto usado na fabricação de plásticos para dar resistência ao material (copos, garrafas, potes, mamadeiras, pratinhos, etc). Também está presente no revestimento interno de latas de alumínio e em diversos produtos à base de #ResinaEpóxi.

Quando submetido a variações de temperatura (congelado, resfriado ou aquecido) é LIBERADO, contaminando o alimento ou líquido que estiver dentro do recipiente.

No nosso organismo, esse composto atua de maneira semelhante à um “hormônio” e pode levar à várias doenças, alguns tipos de câncer, abortos, infertilidade, doenças coronarianas, etc.

Em crianças pequenas esse efeito pode ser ainda pior. Atualmente, por lei, utensílios feitos para crianças têm q ser livres de bisfenol (aconselho a conferir antes)! Porém, muitas mamães acabam utilizando utensílios comuns, para os pequenos.

Minhas Dicas para fugir desse mal:

Não dê às crianças (nem aos adultos) bebidas aquecidas ou geladas em copos ou garrafas plásticas descartáveis comuns!

Confira na embalagem e no próprio utensílio que vai comprar (ou que já tem em casa) se consta a informação: livre de Bisfenol A (BPA Free)!

Não armazene, aqueça ou congele, alimentos em recipientes plásticos, utilize os de vidro.

Evite o consumo de alimentos e bebidas enlatadas.

Fique alerta, essa é uma informação muito importante! .
By @nutricionistamaternoinfantil

Categorias
Nutrição

Como fazer meu filho comer melhor ?

Olá amores,

Hoje é dia de Colunista aqui no site e nada melhor do que iniciarmos a semana falando de um tema tão importante e que deixa tantas mamães cheias de dúvidas. Tenho certeza que as orientações abaixo ajudarão vocês a terem resultados significativos. Mas lembre-se: a palavra chave é AMOR. Com amor podemos mudar qualquer cenário ! Muita paciência, persistência e amor. Vamos juntas mamães !

Bjs, Mila Cozzi.

Com a palavra minha amiga querida Andreia Friques, a @nutricionistamaternoinfantil :

1. COMECE COM O QUE ELE GOSTA
A partir de 2 ou 3 anos as recusas são mais frequentes, e o “eu não quero” vira hit nas refeições. Esse comportamento é normal, mas deve ser considerado como parte de um processo de aprendizagem, e não algo que vá determinar o paladar dele. Então, comece pelo o que seu filho mais gosta, nem que essa lista tenha apenas 7 alimentos. Monte o prato, por ex., com cenoura ralada, arroz e frango, e ponha na mesa uma outra verdura ou legume, como a beterraba. Dali a 3 dias, misture à cenoura um pouco de beterraba. Progressivamente, você acrescenta um novo alimento. .

2. ESTABELEÇA UMA ROTINA
Não, a idéia não é burocratizar as refeições. Mas ter horários ajuda por muitos motivos. Evita que seu filho passe o dia todo beliscando. Se você não tem uma pessoa que ajuda na cozinha, adiante alguns preparos no fim de semana, como limpar e cortar folhas e legumes.

3. TENTE NOVAS COMBINAÇÕES
Variedade é a palavra. Para colorir o arroz, cozinhe-o com beterraba ou abobrinha. O filé de frango do almoço pode ser servido desfiado com milho e chuchu no jantar.

4. DEIXE FRUTAS À MÃO
Fique na altura do seu filho e veja se você consegue pegar as frutas que estão guardadas. Se não alcançar, ou mude a fruteira de lugar ou deixe algumas unidades em um lugar de fácil acesso. Ver despertar o interesse.

5. EXPLORE A CURIOSIDADE DELE
Toda criança é um pouco curiosa e gosta de experiências. Combinem de comprar uma fruta nova por semana e experimentá-la de vários jeitos: suco, cortadinha, com outra fruta, no forno etc.

6. INSPIRE-SE NOS DESENHOS
Diga que o personagem preferido do seu filho adora comer frutas, legumes, vegetais.

7. CONVIDE-O PARA AJUDAR
Chame-o para fazer compras, peça ajuda para preparar a comida etc.

8. PREPARE REFEIÇÕES ESPECIAIS
Que tal um jantar de gala? Ou um café da manhã no quintal de casa? Quebrar a rotina pode funcionar como um estímulo também.

9. EXPLIQUE OS BENEFÍCIOS
Diga: laranja ajuda a não ficar gripado, banana evita dores nas pernas, mamão facilita o cocô sair sem doer o bumbum, cenoura ajuda a enxergar bem, etc. (Fonte: Adaptado da Revista Crescer)

Bjs,

Andreia Fiques ( instagram: @nutricionistamaternoinfantil )

Categorias
Kids

Missão: FILHOS !

Olá amores,

Esse é um tema que me fascina porque sou mãe e essa missão é um desafio a cada dia para mim!
O desafio de trabalhar e ao mesmo tempo cuidar da alimentação dos nossos pequenos;
O desafio de chegar cansada depois de um dia exaustivo de trabalho e ainda sentar com eles para fazer o dever de casa, contar uma história e colocá-los para dormir.
O desafio de querer acertar sempre (o que nem sempre conseguimos porque somos humanas);
Mas uma coisa é certa: não podemos desistir e delegar essa Missão que é nossa!

Com a palavra minha amiga Nutricionista Andrea Friques @nutricionistamaternoinfantil :

Nós PAIS somos os RESPONSÁVEIS por nossos filhos, mesmo nos dias atuais em que muitos precisam contar com o apoio de avós, parentes e diversos profissionais no dia a dia corrido que vivemos.
Delegar EDUCAÇÃO à escola, ESPIRITUALIDADE à igreja, VALORES à sociedade, LIMITES ao pediatra, ESCOLHAS ALIMENTARES às babás ou avós, e assim por diante, é um grande engano!
Essa rede de apoio que todos nós temos e de fato precisamos, deve ser exatamente isso: um APOIO, uma complementação ao que vivemos dentro de casa!
Criar um filho é a maior MISSÃO que temos nessa vida! Podemos ser profissionais bem sucedidos, fazer bem aos outros, exercer mil papéis, NADA DISSO diminui a responsabilidade que temos como MÃES E PAIS!
Amar, Educar, Ensinar valores, Ensinar a fazer escolhas, Limites e sobretudo, SER EXEMPLO é privilégio nosso!
Fugir dessa responsabilidade pode trazer consequências graves para nossas famílias e para a sociedade como um todo!
Que futuro queremos para nossos filhos?
O que estamos fazendo para isso?

Bjs
Andrea Friques
@nutricionistamaternoinfantil

Categorias
Kids Sem categoria

Seu filho come mal? Então saiba 7 atitudes que podem mudar o rumo dessa história!

Seu filho come mal? Então saiba 7 atitudes QUE PODEM MUDAR O RUMO DESSA HISTÓRIA!

Agora, aqui no site, um post imperdível da @nutricionistamaternoinfantil

Esse menino não come!
Ela é ruim de boca mesmo!
Não tem jeito!
Eu já fiz de tudo, chega!
Ele odeia frutas!
Se você comer a verdura, ganha a sobremesa.
Se não raspar o prato, ficará de castigo!
Ela isso, ele aquilo”….
Muitas vezes, a rotina de cuidados diários às crianças, nos faz perder a noção do quanto nossas PALAVRAS e ATITUDES influenciam a vida de nossos filhos.
Recebo frequentemente no consultório papais e mamães de crianças de todas as idades, extremamente angustiados com seus hábitos alimentares.

Uma das coisas que mais enfatizo em nossas conversas: MUITO DO QUE FALAMOS E FAZEMOS INTERFERE NAS ESCOLHAS ALIMENTARES DA CRIANÇA!

Por isso, se você quer estabelecer uma relação POSITIVA entre seu filho e a COMIDA, sugiro:

• Diga sempre palavras de otimismo e encorajamento!
• Não faça da comida uma moeda de troca!
• Não humilhe seu filho com palavras e atitudes.
• Não subestime a capacidade de melhora dele.
• Não projete na criança SUAS EXPECTATIVAS.
• Não minta!
• Seja o exemplo!
Estamos juntos, buscando mais saúde para a nossa família!

Grande beijo,
Andreia Friques
@nutricionistamaternoinfantil

E ai amore…o que acharam?
Vamos debater o assunto e sugerir novos temas?
Queremos a participação de todos vcs!
Beijinhos,
Mila Cozzi
@milacozzi

Categorias
Kids

Apresentando: Andreia Friques ( Nutricionista Materno Infantil)

Agora minha querida amiga e parceira Andreia Friques tem um cantinho especial para falar com a gente aqui no site..vamos tratar de vários assuntos importantes relacionados a alimentação materno infantil (e sou suspeita rs porque AMO esses temas afinal, sou mãe também)! Aceitamos sugestões dos próximos temas!

Com muito carinho apresento para vcs: Andreia Friques @nutricionistamaternoinfantil

Andreia Friques é Nutricionista Materno Infantil e Enfermeira Neonatal. Desde 2002, atua na área da Saúde da Gestante, Criança e Adolescente. Possui consultório com atendimento exclusivo a esse público em Vitória ES. É palestrante, escritora, pesquisadora da Alimentação Materno Infantil e está concluindo um Mestrado na área da fisiologia.

Andreia estudou Nutrição para tentar ajudar sua filha, que possuía necessidades especiais de alimentação. Decidiu focar seus estudos e trabalho nessa área, com o objetivo de ajudar a transformar a vida de milhares de crianças em todo o mundo.

“Sem dúvidas, uma alimentação equilibrada, variada e saudável, desde a barriga da mãe, é fundamental para um melhor desenvolvimento físico, mental e emocional de nossos filhos. Hábitos alimentares inadequados trazem, a médio e longo prazo, doenças, transtornos e traumas. Por outro lado, bons hábitos alimentares previnem doenças, trazem saúde e realizações. Sou mãe como vocês e sei que, muitas vezes, a gente pensa que não vai dar conta do recado. Porém, por mais que a “vida moderna” nos imponha um ritmo frenético de trabalho e compromissos, eu acredito que é possível sim, fazermos a diferença na vida alimentar de nossos filhos. Conheci Mila Cozzi no meu consultório em 2014! Desde então, compartilhamos nossas experiências enquanto mães e profissionais com um objetivo em comum: mostrar ao mundo que podemos ser bem sucedidas em nossas carreiras, sem abrir mão de cuidar da saúde da nossa família! Aproveite as dicas, organize-se, tenha paciência e perseverança! Afinal, cuidar da saúde de nossos filhos é uma das nossas principais responsabilidades”! – Andreia Friques

www.andreiafriques.com.br@nutricionistamaternoinfanti